Quinta-feira, 28 de Janeiro de 2010

Aqui vou eu. A caminhar mais uma vez em direcção á sala das colunas. Enquanto caminho, falo sozinha. Tagarelo tudo e mais alguma coisa. "E o calor apareceu por detrás da longa parede... e queimou-me a pele, como se eu estivesse a arder". O meu grupo, ouvia-me e só dizia:

   - Inês, cala-te!!!!!

Calar-me?? Eu?? Nunca! Jamais! Jamais desistirei de fazer aquilo que me faz feliz!! Se uma pessoa está triste vêm com a conversa do habitual "Que se passa?? Que aconteceu?? Prontos, não chores". Se uma pessoa está contente, alegre a cantarolar ou taraguelar (como eu)... vêm com a conversa do "CALA-TE!!!" "Já não te suporto!!" "Eu não te conheço de lado nenhum, está bem??" "Cala-te! Pareces uma parva!" E na verdade, gosto de ser quem eu sou. Nem o meu olhar de cachorrinho as convence.

  Uma laranja, mordida por alguém que a deitou fora e pisada por alguém que por ali passou encontrava-se no chão, ao relento mas com o calor do sol escaldante a penetrar a sua casca. Sem reparar por onde andava, pisei-a. Senti a água da laranja, a pouca água que dela restava, escorrer. Mas a laranja, não se queixou.

   - Eu já sabia que ela ia pisar a laranja.

Sorri desajeitadamente, isto é, um sorriso sem fonte de inspiração. Talvez já não lhe chame sorriso 23, mas 33 como a Rita diz.

 

Um par de mãos pálidas empurra uma mesa que embate violentamente contra o banco onde eu estava sentada. Por pouco não me acertou! Olhei para todas e pensei "vamos fazer o habitual, agora alguém vai dizer: "Vamos jogar á bolha!!!", (um jogo de cartas que eu não sei explicar como se joga)... e depois todas nos vamos sentar e vamos ficar o resto do intervalo a fazê-lo..."

 

Dito e feito. Esse mesmo par de mãos pálidas pegou no baralho de cartas e uma voz sem definição, disse:

   - Vamos jogar á bolha!

Tal e qual como eu disse.

 

Agora, tudo é diferente. Onde está o tempo em que todas conversávamos e riamos??? Querem mesmo que diga? Não sei responder, pois já nem reconheço a quantas vou. Onde está o tempo em que cantávamos músicas dos anos 80?? Xiiii, esse então, vai longe, consigo vê-lo a percorrer o horizonte. Às vezes, eu e a Rita dámos conta que estamos ambas a falar e a rir que nem umas loucas, tal e qual como faziamos... enquanto que o resto do grupo, joga ás cartas e discutem porque devia estar ali um 7 e não um 8...

  Acho que agora estou mais ligada á Rita e á Mafy. Neste momento, são os meus suportes. São as únicas pessoas que me fazem rir com vontade e com alegria. As únicas que me compreendem, é claro que também há mais, mas refiro-me apenas a pessoas que estão no colégio, porque tu Maggie, também és importante :D E a família também :D

 

Mas vamos ver como isto anda...

 

Queria agradecer muito, muito, ás pessoas que teem paciência para ler os meus textos enormes. Á Mafy e á Maggie pela paciência que teem para me aturarem e também por lerem os meus textos. Muito obrigada (isto parece mais a entrega dos globos de ouro lol).

 

PS: O meu pai já me comprou o Eclipse!!!! Iupiiiiiii xD

 

Até amanhã!

With Love...

Inês @



By Inyy* às 21:28 | link do post | Say something ♥

More about me
posts recentes

Blog novo!

True...

Memories

Freedom

Memories ♥

Junho 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Este Blog NÃO adoptou o novo acordo ortográfico ♥